São Paulo arranca empate do Vasco no Rio

Futebol

12/11/2017  

Em duelo direto por vaga na Libertadores, Vasco e São Paulo ficaram no empate em São Januário, por 1 a 1, em jogo que marcou o reencontro do torcedor vascaíno com a Colina. 

Se por um lado os cariocas perdem a chance de entrar no G7, por outro ao menos não deixam os paulistanos encostarem, seguindo perto do grupo. 

Equilíbrio na primeira parte

O começo de jogo foi de certo equilíbrio, com os erros de passe dos dois lados atrapalhando a sequência das jogadas. Nenhum lado conseguiu ser perigoso. 

Demorou 25 minutos para que alguém tentasse um chute. Yago Pikachu recebeu na área e bateu de direita, mas o chute, torto, acabou não ameaçando muito. 

Foi logo após o chute de Pikachu que houve a parada para hidratação. O forte calor no Rio de Janeiro não ajudava, e os times não mostravam intensidade. 

Em duelos assim, a bola parada pode ajudar muito. Nenê teve ótima chance quando Andrés Ríos foi derrubado na entrada da área. A cobrança assustou Sidão. 

Na primeira grande chance de gol do São Paulo, Maicosuel recebeu de Lucas Pratto na área e bateu colocado. A bola passou raspando a trave. Marcos Guilherme, de fora da área, teve mais sorte e acertou belo arremate, abrindo o placar. 

Vasco volta melhor e empata

No intervalo do jogo, Zé Ricardo fez a mesma alteração que o deu a vitória no meio de semana, na Vila Belmiro: Evander foi para o jogo. E o Vasco melhorou, de fato. 

Caio Monteiro foi outro a entrar e teve boa chance na área. O chute, de direita, teve força e foi no gol, mas Sidão mostrou bom reflexo para conseguir espalmar. 

A pressão vascaína seguiu até que saiu o gol. Andrés Ríos tentou o arremate, a bola pegou em Rodrigo Caio e sobrou para Caio Monteiro empatar. 

O final de jogo foi emocionante. O Tricolor tentou esfriar a pressão dos cariocas jogando no ataque, mas Militão, após dura entrada em Henrique, acabou expulso. 

O Cruz-Maltino voltou a pressionar forte. Madson levou perigo com arremate da direita. Aderllan, por sua vez, quase fez contra, mas Sidão evitou. O volume de jogo vascaíno foi maior, até pelo homem a mais em campo, mas os paulistanos seguraram o empate. 

Top